sexta-feira, 26 de maio de 2017

E deixei-o ir...

Hoje de manhã lá foi ele... pus num saco os meus receios, acorrentei a mãe-galinha que há em mim, e deixei o Francisco ir a um passeio com a escola, apesar dele ter apenas dois anos. (Só porque sim, e para me ajudar a sentir um bocadinho mais traquila, pus-lhe uma pulseira identificativa, com o nome dele e o meu número de telefone).

Mas é isto. Deixei-o ir. Os amigos iam, consta que andavam no excitex porque iam andar de autocarro (que saudades dos tempos em que uma coisa tão simples como andar de autocarro era suficiente para me fazer feliz :P), e eu cedi.

Sei que vou ficar num desassossego absoluto até saber que ele chegou à escola... mas pronto. Se ele se divertir, valeu a pena!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Arquivo do blogue

Seguidores